Documentação Técnica

Documentação Técnica
* Engenharia de Dragagem, Sinalização Náutica, Batimetria, Projetos de Canais Navegáveis, Meio Ambiente, Cartas Náuticas, Software de Navegação, Topografia Básica e outros assuntos técnicos.

* Os leitores poderão ter acesso e fazer download do material na parte inferior desta página.

terça-feira, 14 de junho de 2011

Faróis da Lagoa dos Patos I: Cristóvão Pereira

CRISTÓVÃO PEREIRA
31 03,72S / 51 09,89W
Lp.B.10seg.30m.13M

Foto: João Paulo Ceglinski

Christóvão Pereira de Abreu foi figura chave na formação do Rio Grande do Sul. Por sua iniciativa, a ligação terrestre entre o sul e a cidade paulista de Sorocaba se transformou na importante rota dos tropeiros. Foi também um dos responsáveis pela fundação de Rio Grande e Porto Alegre.

Numa sesmaria de sua propriedade, em 1849, seria inaugurado um dos mais importantes faróis da lagoa dos Patos, integrando a rede de sinais náuticos tão reclamada pelos navegantes (ver farol Capão da Marca).

Faróis da Lagoa dos Patos*

O primeiro farol consistia de uma simples torre de madeira encimada por um lampião. Em 1861, foi inaugurada uma vistosa torre de alvenaria de 28 metros equipada com um aparelho de luz catóptrico (ver Educacional) de luz fixa, com 12 milhas de alcance, substituído em 1904 por um dióptrico de 5ª ordem BBT (ver farol Natal).

O movimento das águas da lagoa aos poucos vem ameaçando essa estrutura – as casas dos faroleiros já se foram, mas a torre, hoje pintada de branco, resiste, constituindo-se numa das atrações do município de Mostardas, que conta ainda com outros faróis nas proximidades (ver faróis Mostardas e Solidão).

Farol Cristóvão Pereira, Lagoa dos Patos (Foto: Geraldo Knippling)

O farol Cristóvão Pereira foi automatizado em 1929 com a instalação de uma lanterna AGA à gas acetileno. A lanterna atual é de acrílico e funciona com energia solar.

Veja em Memorial a forma original da torre de alvenaria.

Fonte: Faróis Brasileiros, Cristóvão Pereira.

* Nota do Editor: Os faróis do Bojuru e do Estreito não existem mais.

2 comentários:

  1. Parabéns Hermes pela postagem sobre os faróis da (Laguna)Lagoa dos Patos.
    Estou vasculhando a internet atrás de matérias sobre eles para postar no meu blog pois fazem parte da história da nossa terra.
    Se me permitir, vou transcrever uma parte da sua matéria e postá-la no meu blog juntamente com um link para sua página.
    Se tiver um tempo, sê uma olhada:
    www.pescanalagoa.blogspot.com
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  2. Obrigado, Giovani. Pode repercutir a matéria, sem problemas, a idéia é essa mesma - divulgar nossa laguna! Já fui lá no teu blog, e gostei. Manda ver!

    ResponderExcluir