Documentação Técnica

Documentação Técnica
* Engenharia de Dragagem, Sinalização Náutica, Batimetria, Projetos de Canais Navegáveis, Meio Ambiente, Cartas Náuticas, Software de Navegação, Topografia Básica e outros assuntos técnicos.

* Os leitores poderão ter acesso e fazer download do material na parte inferior desta página.

quinta-feira, 11 de agosto de 2011

Dois anos de dragagem continuada, nenhum canal liberado pela Marinha do Brasil

Dragagem por resultados (Lei Federal 11.610/07), sem resultados?

No ano passado (2010), foram gastos R$ 4 milhões com dragagem de manutenção dos canais navegáveis, sendo que neste ano (2011) já foram gastos cerca de R$ 2,7 milhões, com previsão de mais R$ 6,6 milhões nos próximos meses. Nesse período de 2 anos foram dragados os seguintes canais - Barra (São Gonçalo); Leitão, Pedras Brancas e Junco, no Rio Guaíba. Atualmente, a dragagem contratada junto à Enterpa Engenharia Ltda. retornou ao estuário da Lagoa dos Patos, e está sendo executada no Canal Feitoria.

Assim, já foram gastos mais de R$ 6,7 milhões desde o início do contrato (Agosto/2009); no entanto, como mostram os dados abaixo, nenhum dos canais já dragados foi liberado pela Marinha do Brasil que, por algum motivo, não reconhece os resultados desse serviço. Para que as restrições de calado por assoreamento sejam retiradas dos Avisos aos Navegantes, no setor de correções às cartas náuticas, as plantas batimétricas dos levantamentos pós-dragagem devem ser encaminhadas à DHN; após a análise detalhada desses levantamentos, e desde que comprovadas as novas profundidades alcançadas, a autoridade marítima providencia a retirada dessas restrições nos Avisos aos Navegantes. 

CORREÇÕES ÀS CARTAS NÁUTICAS 

(JAN/2009, 1.ª QUINZENA)

HG 176(T)/97 BRASIL - LAGOA DOS PATOS
Existência de trechos assoreados. Cartas nºs 2103 - 2105 - 2106 - 2107 - 2108 - 2109 - 2111 - 2112
Balizamento deficiente devido à existência de trechos assoreados, com previsão de restabelecimento após dragagem, comprometendo a segurança da navegação nos canais: São Gonçalo, da Feitoria, do Nascimento, do Junco, de Belém, do Leitão e das Pedras Brancas. Recomenda-se aos navegantes só demandarem os referidos canais durante o dia, com boa visibilidade e com perfeito conhecimento do local. Este Aviso cancela o Aviso-rádio nº P 7791 e o Aviso Temporário nº P 127(T)/97.

HG 75(P)/98 BRASIL - LAGOA DOS PATOS
Canais: Coroa do Meio, do Junco, de Belém, do Leitão e das Pedras Brancas - Existência de profundidades menores. Cartas nºs 2103 - 2108 - 2109
Existência de profundidades menores 4,5 metros no canal Coroa do Meio entre os faroletes Coroa do Meio nº 56 e Gambeta nº 55; 4,5 metros nos canais, do Junco e de Belém entre a bóia de luz nº 114 e a bóia cega Belém nº 109; 4,3 metros no canal do Leitão nas proximidades da bóia de luz nº 132; e 4,3 metros no canal das Pedras Brancas entre os faroletes Piava nº 127 e Veleiros do Sul em Vila Assunção.
Este Aviso cancela o Aviso-rádio nº P 7131/98.

HG 31(P)/00 BRASIL - LAGOA DOS PATOS
Proximidades da ponta do Laranjal - Canal da Barra - Alterações na batimetria, no limite do canal e no canal dragado. Cartas nºs 2104 - 2103
Posições: a) 31º 48'.20 S 52º 10'.55 W; b) 31º 48'.22 S 52º 10'.55 W; c) 31º 47'.77 S 52º 11'.77 W; d) 31º 47'.80 S 52º 11'.78 W; e) 31º 47'.73 S 52º 11'.91 W; f) 31º 47'.75 S 52º 11'.92 W; g) 31º 47'.63 S 52º 12'.21 W; h) 31º 47'.67 S 52º 12'.22 W; i) 31º 47'.51 S 52º 12'.53 W; j) 31º 47'.53 S 52º 12'.54 W; k) 31º 47'.44 S 52º 12'.69 W; l) 31º 47'.46 S 52º 12'.70 W; m) 31º 47'.39 S 52º 12'.91 W. Os navegantes deverão ter atenção ao novo limite do canal da Barra: Por “BE” entre as posições a), c), e), g), i), k) e m) e por “BB” entre as posições b), d), f), h), j) e l). Será inserido no novo canal da Barra a anotação “Dragado a 4,3 m (1999)”. Será cancelado o limite do antigo canal da Barra e a anotação “Dragado a 2.4m (1983)”.

Apesar da despesa realizada até agora, mais de R$ 6,7 milhões, os avisos referentes aos canais da Barra (SG), do Leitão, do Junco e Pedras Brancas ainda não foram retirados, conforme pode ser visto no folheto da segunda quinzena do mês passado (Julho). A dragagem não está dando bons resultados, ou não estão enviando os documentos técnicos pós-dragagem para análise e liberação dos canais dragados pela Marinha do Brasil (DHN)?

CORREÇÕES ÀS CARTAS NÁUTICAS 
(JUL/2011, 2.ª QUINZENA)


Fonte: Marinha do Brasil, DHN. Avisos aos Navegantes
/span>

Nenhum comentário:

Postar um comentário