Documentação Técnica

Documentação Técnica
* Engenharia de Dragagem, Sinalização Náutica, Batimetria, Projetos de Canais Navegáveis, Meio Ambiente, Cartas Náuticas, Software de Navegação, Topografia Básica e outros assuntos técnicos.

* Os leitores poderão ter acesso e fazer download do material na parte inferior desta página.

sexta-feira, 4 de novembro de 2011

Travessia Porto Alegre-Guaíba: Confusão na sinalização náutica do canal de acesso (Terminal Guaíba)

Nessa semana fiz mais uma viagem na travessia Porto Alegre-Guaíba, agora com a sinalização do canal de acesso ao terminal de passageiros em Guaíba já implantada, mas estranhei o posicionamento das boias luminosas, pois navegando em direção ao terminal as boias encarnadas (1) estavam a bombordo (à esquerda), e a boia verde a boreste (à direita). No sentido convencional da navegação, também não vi a boia de bombordo modificada, boia de bifurcação VEV (verde-encarnada-verde) que, de acordo com a IALA (2), deve demarcar o canal preferencial a boreste.

A tripulação informou que esses sinais forem implantados pela Superintendência de Portos e Hidrovias (SPH), obedecendo as coordenadas e especificações definidas pela Delegacia da Capitania dos Portos do RS (Marinha do Brasil). De fato, essa informação foi confirmada junto à SPH. No entanto, as coordenadas e especificações da Diretoria de Hidrografia e Navegação - DHN/Marinha do Brasil, constantes no Aviso-Rádio abaixo reproduzido, indicam claramente que as boias encarnadas devem estar a boreste de quem entra no canal de acesso em direção ao terminal de passageiros e, por consequência, a boia verde deveria estar posicionada a bombordo.

Utilizando as coordenadas oficiais mostradas acima, teríamos a seguinte configuração para as boias luminosas do balizamento do canal de acesso ao terminal de passageiros em Guaíba:



A distribuição acima não tem nada a ver com a que existe no local, onde as boias encarnadas estão a bombordo de quem ingressa no canal, e a boia verde a boreste (além de estar na saída do canal, junto ao terminal). As coordenadas publicadas pela Marinha também mostram dois faroletes a serem instalados no pier de atracação, conforme pode ser visto na figura acima, cujo posicionamento não faz nenhum sentido, pois a manobra de atracação atual indica a necessidade de apenas um farolete verde junto ao pier de montante.

Do ponto de vista técnico, o assunto não apresenta qualquer dificuldade, conforme pode ser visto abaixo, que explica como devem ser dispostos os sinais náuticos pelas normas da IALA (sistema B, adotado no Brasil).    

BALIZAMENTO - IALA B

Descrição dos Sinais Laterais usados na Região B

Sinais de bombordo

Cor: Verde.
Formato (boia): Cilíndrico, pilar ou charuto.
Marca de tope (se houver): Cilindro verde simples.
Luz (quando houver)
Cor: Verde.
Ritmo: Qualquer, com exceção do ritmo de boia de bifurcação.

Sinais de boreste

Cor: Encarnada.
Formato (boia): Cônico, pilar ou charuto.
Marca de tope (se houver): Cone encarnado simples com o vértice para
cima.
Luz (quando houver)
Cor: Encarnada.
Ritmo: Qualquer, com exceção do ritmo de boia de bifurcação.

Sinais de Bifurcação

No ponto em que um canal se bifurca, seguindo a “direção convencional do balizamento”, o canal preferencial pode ser indicado pelos sinais laterais de bombordo ou boreste modificados, como se segue:

Canal preferencial a boreste (bombordo modificado)

Cor: Verde com uma faixa larga horizontal encarnada.
Formato (boia): Cilíndrico, pilar ou charuto.
Marca de tope (se houver): Cilindro verde simples.
Luz (quando houver)
Cor: Verde.
Ritmo: Grupos de lampejos compostos ( 2 + 1 ).

Canal preferencial a bombordo (boreste modificado)

Cor: Encarnada com uma faixa larga horizontal verde.
Formato (boia): Cônico, pilar ou charuto.
Marca de tope (se houver): Cone encarnado simples com o vértice
para cima.
Luz (quando houver)
Cor: Encarnada.
Ritmo: Grupos de lampejos compostos ( 2 + 1 ).

NOTAS

(1) Usa-se a denominação "encarnada" (E), e a letra "V" é reservada para a cor verde;
(2) International Association of Marine Aids to Navigation and Lighthouse Authorities.

Nenhum comentário:

Postar um comentário